Category Archives: Migração

A Fronteira Mortal

Segundo a Comissão Nacional de Direitos Humanos do México, já morreram mais 5.000 imigrantes mexicanos, em desertos, rios e montanhas, que tinham intenção de cruzar a fronteira com Estados Unidos, na procura de uma vida melhor. Estas mortes, são provocados maioritariamente, pela máfia mexicana,  que lhes prometem um futuro melhor, em troca de dinheiro. Como muitos imigrantes não conseguem pagar, são perseguidos e mortos.  Das autoridades alfandegárias, que aproveitam-se do seu estatuto, para fazer chantagem, e deste modo extorquir monetariamente os imigrantes.Por último, os imigrantes que tentam fugir da máfia mexicana, sendo abatidos na fronteira, pelas autoridades americanas.


Actualmente 12 milhões de mexicanos vivem nos Estados Unidos, dos quais 6 milhões vive em situação ilegal. Em relação a esta situação, Barack Obama prometeu em 2010, impulsionar uma reforma migratória integral, que pode ajudar milhões de mexicanos ilegais nos EUA.

O Muro da Vergonha

O Muro construído, entre os Estados Unidos e o México é um muro de segurança construído pelos Estados Unidos em parte da sua fronteira com o México. O seu objectivo é impedir a entrada de imigrantes ilegais, sobretudo mexicanos e centro-americanos oriundos da fronteira sul, em território dos Estados Unidos. A sua construção teve início em 1994 com o programa anti-imigração-ilegal conhecido como «Operação Guardião» (Operation Gatekeeper). Actualmente é formado por vários quilómetros de extensão na fronteira de Tijuana–San Diego. O muro inclui três barreiras de contenção, iluminação de muito alta intensidade, detectores anti-pessoais de movimento, sensores electrónicos e equipas de visão nocturna entrelaçados com radiocomunicações com a polícia de fronteira dos Estados Unidos, bem como vigilância permanente com veículos e helicópteros artilhados. Outras secções do muro foram erguidas nos estados de Arizona, Novo México e Texas. Actualmente, existe cerca de 87 milhões de emigrantes nas Américas e Caribe, 57 milhões desses emigrantes residem actualmente nos EUA, sendo 12 milhões ilegais. O “muro da vergonha”, também apelidado de “muro do império”, coloca em risco a vida de milhares de emigrantes. Na parte mexicana, os imigrantes são explorados monetariamente, pelas máfias criminosas, para puderem a atravessar a fronteira ilegalmente. Os emigrantes que conseguem atravessar o muro, são vítimas de exploração por parte dos empregadores nos E.U.A, que se aproveitam da sua situação ilegal, para os submeter a trabalhos precários, humilhantes, sem qualquer acesso aos sistemas de saúde nem de educação. Ao contrário do que muita gente pensa, a migração não é nenhum crime, mas sim, uma questão social, é preciso combater as causas que provocaram a migração, como, a corrupção, a desigualdades na distribuição das riquezas, provenientes dos ganhos do comércio internacional, que por um lado elimina as barreiras alfandegárias, mas impede a circulação das pessoas que procuram melhores condições de vida, noutros países. Este muro significa sem dúvida, uma declaração de desprezo a toda América Latina.